quinta-feira, 23 de outubro de 2008

O medo

Quem nunca sentiu medo que atire a primeira pedra!
Hoje estava refletindo sobre o medo e percebi que permito que ele venha pelo simples fato de não conhecer a situação pela qual vou passar. É claro que existem medos de animais, ver sangue, elevador, essa coisas, mas não é disso que vou falar.
Confesso que estou com um tipo de medo que se relaciona ao perder o controle sobre mim. Isso é ruim porque causa uma insegurança enorme. Mas, ao parar para pensar, percebi que pode ser normal essa sensação e muito mais humana. Acredito que não existiria a coragem se não fosse o medo. Os verdadeiros corajosos são aqueles que enfrentam seus medos de frente e não desistem de passar por situações que os assombram.
Bom, quem me conhece sabe o verdadeiro motivo pelo qual escrevo. Quem não me conhece pode se identificar com o que sinto. A questão é que as pessoas mesmo com quem você convive não entendem bem. Falo isso porque não tem coisa pior do que você contar a uma pessoa que está com medo e ela te menosprezar tipo: - que bobagem! Frescura sua! E no fundo pensam que você é um fraco.

Por favor, quando um amigo seu falar que está com medo dê ouvidos e tente encorajá-lo! Não faça pouco caso! Mas também não faça com que isso se torne o assunto mais importante do dia! Seja apenas companheiro e incentive a pessoa a passar pela situação que tanto está lhe dando frio na barriga.

Afinal, o medo pode ser vencido e se você tem apoio dos seus amigos e familiares fica mais fácil ainda. Pelo amor de Deus, não estou reclamando da falta de apoio, por incrível que pareça, tenho recebido muito e por isso estou super confiante!
Só quero mesmo deixar registrado que o medo é super normal, faz parte da nossa vida e os verdadeiros corajosos são os que passam por cima dele! Fé em Deus e pé na tábua! O medo virá, mas ele vai embora se você encará-lo!

3 comentários:

Lê disse...

É isto aí Vá!
Deus te abençoe!
Estamos orando por você!

Bjs enorme!

Lisi disse...

Não te conheço. Não sei o que vc vai passar. Não tenho o costume de menosprezar o medo alheio. Se vc está com medo é porque tem motivo, e motivos que nos dão medo geralmente não são bons.
Sendo assim, te digo o seguinte: o verdadeiro amor que sentimos por Deus e o que Ele sente por nós lança fora o medo.
Lança fora no sentido de tirar do meio do caminho, e não de fazer desaparecer como que por mágica.
Então que Deus ilumine seus caminhos!

Escrevi muito - não costumo fazer isso quando visito blogs.
Mas Deu vontade.

Gláu disse...

Oi, Vá. Independente do que estiver acontecendo com vc, alimente-se com a fé em Deus. E pode ter certeza de que ele sabe o que é melhor pra cada um de nós e o que acontecer será o que for melhor pra vc.
Abraços
Gláu