terça-feira, 16 de outubro de 2007

Alegria ou Tristeza?




Vivo uma icógnita: estou alegre ou triste?


Estou alegre porque fui à praia nesse feriadão, estava com meu amor e meus amigos. Aproveitei demais!

Estou super feliz porque minha amiga Alessandra vai casar e sou sua madrinha de casamento, tenho muita consideração por ela.

Estou super agradecida, porque hoje Deus me concedeu um livramento de morte! Quase atropelei um cavalo que surgiu numa avenida em Contagem simplesmente do nada! Foi reflexo, por pouco consegui desviar, sem dúvida, foi a mão do meu Salvador!


Tenho saúde, trabalho, família, amor, amigos e um pouco de dinheiro!


Mas estou triste:


Porque não tenho coragem de colocar um biquini na praia! Tenho vergonha do meu corpo!

Porque me sinto tão gorda que não vou ficar bonita no casamento da minha amiga!

Porque não consigo parar de comer compulsivamente! Parece um vício! O que será de mim?


Tudo em razão do meu peso!


Esse foi um desabafo! Porque estou me sentindo péssima! Acabei de comer uma palha italiana!

Meu Deus!

Não dá para definir o prazer de comer e a culpa após o ato!


2 comentários:

Tânia disse...

Você é linda, inteligente, adorável, meiga, divertida e uma excelente companheira de viagem. Por isso e muito mais não quero lhe ver falando em tristeza. Comeu uma palha italiana? Hummm, que bom... Se não se sentiu à vontade pra colocar um biquini na praia, não é motivo pra se sentir assim, quantas pessoas adorariam estar ali de biquini, de maiô, de "topless", enrolado na toalha, simplesmente em sua companhia... O principal de tudo é o quanto as pessoas te amam, do jeitinho que você é e a vida maravilhosa que Deus lhe deu, prova disso foi o que aconteceu quando dirigia e como Ele lhe mostrou o quanto olha por você.
Te adoro, assim, assim!!!

Edilene disse...

Acho que vc não é a unica pessoa que se sente assim.
Todo mulher passa por isso, o padrão de beleza é muito alto.
A gente sempre quer mudar algo e toda(grande maoioria) mulher quer perder uns pesinhos.