quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Líquido durante as refeições.... Sim ou Não?

Muitos têm dúvidas sobre o assunto e pra mim é praticamente um desafio deixar de tomar minha coca-cola nas refeições! Então coloco um incentivo pra quem é assim também! E viva a saúde!!!
Evite!
Mais que em qualquer outra época, manter a boa forma é a imposição do momento, não apenas pelos apelos estéticos da mídia, mas, principalmente, pela preocupação de manter a saúde por muitos e muitos anos. O hábito de beber líquidos, durante as refeições, é bastante recente, pois, na época de nossas avós, bebidas extras na mesa somente em datas especiais, como festas de aniversário, Natal e Ano Novo.
Será que a ingestão de sucos, refrigerantes e água, enquanto nos alimentamos, pode prejudicar a saúde e acrescentar novas medidas à nossa cintura? Atenção: nutricionistas avisam que o aumento da barriga é conseqüência, sim, das calorias que ingerimos. Assim, o líquido ingerido, durante as refeições, pode causar uma dilatação passageira do estômago, que, então, pode passar a armazenar mais líquido, aumentando o abdome. Com o estômago dilatado, aumenta a capacidade de ingestão do alimento, ou seja, a chance de você comer um pouco mais da conta está próxima de acontecer.
Outro porém: ao beber qualquer tipo de líquido durante uma refeição, a acidez gástrica pode sofrer alterações, prejudicando a absorção natural dos alimentos e, até mesmo, o aproveitamento de diversas vitaminas e dos sais minerais. Quando há comprometimento do processo de digestão, os carboidratos ingeridos sofrem fermentação e pode ocorrer um acúmulo de gases. A sensação de distensão abdominal está, então, caracterizada, de fato.
Especialistas recomendam a ingestão de água antes das refeições, e não durante o consumo de alimentos. Agindo dessa maneira, você facilita a eliminação rápida do líquido do estômago, permitindo que a acidez gástrica retorne ao normal.
Lembre-se que a região abdominal é aquela que apresenta maior facilidade para o acúmulo de gordura, liberada de alimentos calóricos consumidos em excesso. Fique atento: muitas vezes, a sensação de sede pode ser confundida com a de fome. Quando a necessidade de líquido é satisfeita, o apetite será proporcional à necessidade de alimentos, ou seja, os riscos de comer compulsivamente estão descartados.
Vai aí um conselho de nutricionistas: se você não conseguir sentar-se à mesa sem um copo ao lado de seu prato, prefira consumir sucos de frutas cítricas. Está comprovado que a vitamina C facilita a absorção de ferro, presente nas folhas verdes e nos grãos, como feijão, lentilha, grão-de-bico, soja, ervilha.
Fonte: Programa Supera

Um comentário:

Lê disse...

Ai menina!
É difícil mesmo resistir a um bom guaraná na hora do almoço!
Mas prometo que vou me esforçar...rsrsrs.
Bjs enorme e saudade!